Inteligência artificial é a próxima aposta da educação

Inteligência artificial é a próxima aposta da educação

Emi Emi 04 jul 2022

Você gosta de acompanhar o futuro da educação e seus avanços constantes? É importante se manter informado sobre as áreas do conhecimento e nossos processos de formação. Isso porque, o futuro já está aí e, com ele, diversas inovações em nossos métodos de aprendizagem.

A inteligência artificial está caminhando para ser um dos pilares da educação no futuro. Quer entender esse processo? Então, vem com a gente! Nós, do Tudo Educação, selecionamos os principais detalhes sobre esse a inteligência artificial, seu papel na educação e o metaverso tecnológico. Vamos lá!

Vá direto ao tópico de seu interesse:

Inteligência artificial é a próxima aposta da educação
Inteligência artificial é a próxima aposta da educação

Inteligência artificial

O uso da inteligência artificial é uma grande aposta para o futuro da educação. Dessa forma, a tecnologia vem se desenvolvendo e atualizando cada vez mais para atender às expectativas.

Os recursos e ferramentas disponíveis podem ser úteis em métodos de ensino, aprendizado e acessibilidade. Logo, é importante levar em consideração os conceitos e detalhes desse tipo de tecnologia.

O que é inteligência artificial?

A inteligência artificial é demonstrada por máquinas que executam tarefas complexas, geralmente realizadas por seres inteligentes. Além de ser uma aposta para o futuro da ciência, ela também é um campo de estudo acadêmico.

É possível estudar e desenvolver esse tipo de tecnologia na sua formação de nível superior. O objetivo da inteligência artificial é executar funções executadas por indivíduos de forma inteligente.

Inteligência artificial e educação

Você sabia? Os próximos anos da educação estão altamente ligados a essa tecnologia. Durante a Bett Brasil 2022, por exemplo, a tecnologia robótica foi a grande proposta.

A feira internacional de educação introduziu explicações sobre recursos, como reconhecimento de voz e visão. Esse tipo de ferramenta possibilita a resolução de tarefas por parte dos estudantes, educadores e participantes da área educacional, tornando as horas de estudo mais saudáveis.

Além das explicações, a diretora da Bett, Cláudia Valério, falou sobre a importância dos avanços tecnológicos no setor educacional.

Aprendizagem

Nos últimos anos, o uso das tecnologias de última geração têm alavancado os níveis de ensino e aprendizagem no Brasil. De acordo com a diretora da Bett, com o contexto da pandemia, foi necessário reaprender a aprender. Além disso, estudantes e professores tiveram de se adequar às mudanças do mundo digital, trazendo uma imersão nessas tecnologias.

Interação e suporte

De acordo com um estudo da McKinsey, a utilização das tecnologias já existentes pode ser um auxílio aos professores. Aumentando, assim, de 20% a 40% o tempo utilizado para interagir e dar suporte à classe.

Já segundo o CEO  e fundador da International School, a inteligência artificial já é uma realidade. A International School tem também a ISA, sua assistente virtual.

A função do protótipo é auxiliar as atividades educacionais, otimizando as funções desempenhadas por educadores. Assim, os professores têm mais tempo para se dedicar ao aproveitamento do aprendizado. Ela tem o objetivo de funcionar tanto para atividades presenciais quanto on-line.

De acordo com o CEO, a possibilidade de uma assistente virtual apoiar o educador e ainda tirar dúvidas é um avanço para a educação brasileira. Bem como o CEO, o head de marketing da empresa, Jefferson Feitosa, destaca que atualmente o protótipo está aprendendo para futuramente ensinar.

Metaverso

O Metaverso é um conceito utilizado para proporcionar um ambiente virtual imersivo e suas experiências únicas. Segundo Rafael Oliveira, o CEO do Grupo Maker Educação e Tecnologia, esse conceito e a possibilidade de sentir como se estivesse no mundo digital devem entrar nas escolas.

No caso do ambiente de aprendizagem, o Metaverso entra no uso de ferramentas tecnológicas de última geração, abrindo possibilidades de experiências imersivas na realidade virtual. Ainda de acordo com Rafael Oliveira, é uma forma de utilizarem avatares e se relacionarem em um ambiente de realidade aumentada.

Em suma, há múltiplos recursos e serviços, criados e em desenvolvimento, para otimização dos métodos de ensino através da tecnologia. Um deles é a iniciativa da Edify Education, a Toolkit. Nesse caso, a ferramenta é voltada para o planejamento de aulas e é on-line, interativa e editável.

As tecnologias em questão incluem técnicas, processos e métodos utilizados para gerar conhecimento ao ampliar o sistema educacional. Assim, os professores saem ganhando tanto quanto os estudantes, devido à otimização dos recursos e tarefas.

E então, conseguiu compreender a necessidade da inclusão de novas tecnologias em nossos métodos de ensino? Se interessou pelo tema? Então, fique por aqui! Só no Tudo Educação você tem acesso a dicas, explicações e informações sobre esse e outros assuntos relacionados. Não vai perder tempo, hein?

Fique por dentro

Receba as novidades no seu e-mail.

icone newsletter
banner lateral

Encontre o plano ideal para você.

Veja os planos